Comunidade Verde

 

 

Nome: “Comunidade Verde”

Financiador: Green Action Fund (Consumers International)

Período de execução: 1 de setembro à 31 de outubro de 2020

Orçamento: GBP £2,200 (263.000$00 ECV)

Público-Alvo e/ou Beneficiários: uma comunidade agrícola e alunos da escola primaria da ilha de Santo Antão, consumidores e a sociedade cabo-verdiana em geral.

Objetivos:

  • Criação e apresentação de uma plataforma de partilha de  informações e serviços de produtos agrícolas para a comunidade;
  • Produzir compostores (rural e urbano);
  • Disponibilizar o manual “Como criar um compostor caseiro” e disponibilizá-lo no site da ADECO;
  • Implementar um sistema de agricultura regenerativa e técnicas de compostagem com o envolvimento das mulheres, na Vila das Pombas, ilha de Santo Antão, de forma a melhorar a produção agrícola de forma sustentável;
  • Instalar compostores em Vila das Pombas e numa escola primária da ilha do Santo de forma a sensibilizar as crianças para a importância da compostagem e da agricultura regenerativa;
  • Informar, sensibilizar e educar os consumidores e a sociedade cabo-verdiana em geral sobre a compostagem urbana;
  • Informar, sensibilizar e educar alunos (meninas e meninos) sobre a compostagem urbana;
  • Comemorar a Semana Ação Verde (Green Action Week): Compartilhar lixo orgânico (para compostagem).

Atividades:

  • Criar e apresentar uma plataforma de partilha;
  • Pesquisa e produção de compostores rurais e urbanos;
  • Implementação do sistema de agricultura regenerativa;
  • Informação e sensibilização sobre a compostagem urbana e rural;
  • Instalação de compostor urbano numa escola – Semana de Ação Verde.

Resultados:

  • Comunidade consciente da importância da partilha, da compostagem e da agricultura regenerativa;
  • Famílias autossustentáveis;
  • Mulheres autónomas, especialmente na área agrícola, que contribuem para o sustento familiar;
  • Solo regenerado e revitalizado (solo saudável);
  • Produtos agrícolas mais saudáveis para os consumidores;
  • Melhor acesso a bens e serviços orgânicos;
  • Fazendas produtivas, comunidades e economias saudáveis.